Curta

Bem que o resultado podia ser outro. Um segundo golo, quem sabe um terceiro, não tinha ficado nada mal no resultado final. Fica a consolação de não termos sofridos golos, o que pode ser importante nas contas finais.

A exibição foi uma das melhores da temporada. Nuno Gomes incansável no meio dos centrais, Ricardo Rocha a limpar a defesa e Moreira encarregado do que sobrava, Petit todo o terreno e João Pereira a dar a magia que faltava. A juntarem-se exibições seguras do resto da equipa (com uma ou duas excepções) isto dá um vitória clara que só peca por escassa.

Renovações

Simão renovou com o Benfica até 2010. Parece-me que finalmente se percebeu que a política desportiva é tão importante que a política financeira (ou se calhar até mais porque qualquer clube para ganhar dinheiro primeiro tem que ganhar jogos).

Seguem-se, segundo os jornais, as renovações com outras peças fundamentais do clube como o são Moreira, Ricardo e Rocha e Tiago. Estas renovações conjuntamente com o que me parece o início de um olhar mais atento para a “cantera” do clube mostram que as coisas podem vir a melhorar nos próximos tempos.

É o que resta aos benfiquistas, a esperança de dias melhores.